Twitter lança a função “Fleets”, muito parecida aos stories do Instagram

O novo recurso chamado de “Fleets” estará disponível para testes a partir desta quarta-feira, apenas no Brasil

O Twitter anunciou nesta quarta-feira (4), os testes de uma nova ferramenta em que as mensagens desaparecem após 24 horas, uma função muito parecida com os Stories do Instagram.

Como funciona?

Os usuários poderão publicar textos, fotos ou vídeos que serão exibidos em uma área separada do aplicativo, então eles desaparecem automaticamente depois de 24 horas e não recebem interações públicas, como retweets ou curtidas.

Em um post na própria rede o Twitter explicou a novidade:

“Fleets são para você compartilhar suas ideias e opiniões momentâneas. Essas postagens desaparecem depois de 24 horas e não têm retweets, curtidas ou comentários públicos. Em uma pesquisa inicial, as pessoas nos disseram que, uma vez que os Fleets somem, elas ficam mais à vontade para compartilhar pensamentos corriqueiros e cotidianos.”

A rede ainda salientou que os fleets são uma “forma de ter conversas iniciadas com seus pensamentos passageiros” e interagir dentro da plataforma com “menos pressão”.

O Twitter diz que a escolha do Brasil para testar a nova ferramenta é pelo fato de o país ser um dos mais ativos na plataforma: “Uma vez que o Brasil é um dos países em que as pessoas mais conversam no Twitter, com muitos de vocês apaixonados por falar e seguir outros brasileiros na plataforma, estamos animados em testar a nova funcionalidade aqui”.


Como usar?

Se a conta já recebeu a novidade para publicar um fleet, o usuário precisa utilizar o aplicativo do Twitter para Android ou iOS e tocar na sua foto de perfil, no canto superior esquerdo da tela inicial.

“Assim como os Tweets, Fleets são baseados primariamente em textos, mas você pode incluir vídeos, GIFs ou fotos neles”, diz a mensagem da rede.


Veja mais detalhes da ferramenta em um vídeo demostração no post da rede: https://twitter.com/TwitterBrasil/status/1235248713125285895


 

 

 

Compartilhe:

1

Comentários