Artigos

Processos existem para serem seguidos, não ignorados

O brasileiro é famoso por sempre dar o seu jeitinho: é a tal da gambiarra. afinal de contas, se funciona, tá tudo bem, não é?

infelizmente, não. sabe por que? porque esse comportamento prejudica os processos.

pense comigo: você desenha um processo, organiza, testa e valida. ele está pronto, e funciona perfeitamente. no entanto, você, por algum motivo desconhecido, dá uma de Sandra de Sá e joga tudo fora no lixo. 

agora, é minha vez de fazer a pergunta de um milhão de dólares: por que?

tenho certa propriedade para falar isso, então preste atenção: quando você abre mão do seu processo, seja por qual motivo for, você está assumindo um risco desnecessário que prejudica só um lado da balança.

adivinhe qual? bom, se você respondeu você, então está 100% correto.

quando os processos são deixados de lado

 

normalmente o processo é atropelado quando existe a necessidade de pressa. só que a pressa não pode ser motivacional.

tudo é pra ontem. tudo é pra logo. tudo precisa dar resultado rápido.

mas adivinha o que é necessário para atingir resultados? tcharãm: os processos.

então, quando você abre mão de seguir seu processo, você acaba abrindo mão também dos resultados.

é neste ponto que churn vem, e a galope.

existe uma música de Bryan Behr, chamada “nada vale o preço” que fala sobre a pressa: 

“hoje as nuvens estão tão rápidas, eu me pergunto para quê tanta pressa, se não se sabe onde quer chegar?”

pense então que você sabe onde quer chegar. logo, você precisa traçar um plano para ir até lá e evitar imprevistos. aí está o processo. 

e é essa a diferença da música para um projeto digital. em um projeto digital a gente sabe onde quer chegar.

nós sabemos o que precisa ser feito.

e para fazer isso, temos um método validado, que depende de um processo a ser seguido.

ou seja, quando negligenciamos o processo, estamos automaticamente assumindo um risco prejudicial a nós mesmos.

pode ser que dê certo? sim, pode. mas se você pode eliminar a dúvida, e ser assertivo de verdade, porque arriscar?

muitas vezes, mandamos um orçamento para um cliente e ele demora para aprovar, ou para fornecer as próximas informações para você seguir o seu processo. e ainda assim, esse mesmo cliente já está te cobrando leads e vendas. 

então você pensa: talvez eu precise abandonar meu processo para oferecer esses resultados logo. 

afinal, muitos clientes não estão dispostos a aceitar a “demora” dos processos.

aqui deixo a minha pergunta final, para você refletir: qual BO vale a pena comprar?

o que eu posso te garantir é que abrir mão dos processos não é um deles. 

não tenha medo de se posicionar para direcionar o cliente para o caminho certo. você já sabe que seu processo vale a pena, então aposte nele.

5 4 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Felipe Camargo
Felipe Camargo
15 dias atrás

Esse artigo veio na hora certa, estava pulando vários processo para agradar clientes novos.

Share
Admin
15 dias atrás
Reply to  Felipe Camargo

Que bom, Felipe. Nunca é tarde para ajustar a rota \o/

Você pode gostar

Veja mais

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No feed found.

Please go to the Instagram Feed settings page to create a feed.

2
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x