Na última sexta-feira, o YouTube anunciou que vai deixar de lado os anúncios de 30 segundos que não podem ser pulados. Começando em 2018, as marcas já não poderão mais anunciar o formato de anúncio de 30 segundos mas, poderão adquirir outros formatos, como “20-second promos ads” e “6-second bumper ads”, com nova duração.

A plataforma de vídeos afirmou que quer proporcionar uma melhor experiência em anúncios para usuários online. Como parte disso, foi decidido que a partir do ano que vem não haverá mais essa opção. Ao invés disso, o YouTube vai focar em formatos que funcionam bem para os usuários e anunciantes.

Essa nova mudança irá aumentar o engajamento de outros tipos e formatos de anúncios. Se o formato padrão de conteúdo tem duração de aproximadamente um minuto e meio, fazer com que um usuário assista a um anúncio que tem essa mesma duração é frustrante, tornando alta a taxa de rejeição. Isso acaba afastando os usuários do YouTube e a experiência em anúncios importa bastante.

As marcas também podem comprar anúncios que podem ser pulados e ela só ganha quando eles são assistidos por completo, o que aumenta as taxas do site. De acordo com o YouTube, mais de 50% do tráfego vem do celular.

Com informações do AdWeek

Talvez você possa gostar