Estamos em um momento que a palavra “compartilhar” é muito comum na vida de qualquer pessoa que usa as redes sociais. E muito mais do que só vídeos, imagens e textos, o compartilhamento também é uma forma de amigos influenciarem os outros nos desejos de compra. Você já parou para pensar que, ao ver um amigo próximo compartilhando algo que gosta?—?ou até mesmo um Youtuber que confia?—?, você também sente vontade de ter o mesmo produto?

Nos primórdios de compras offline, antes da entrada da web 2.0 na vida de todos, nos deparávamos com uma dúvida muito comum no ponto de venda: “Será que esse produto é bom?” A internet facilitou a maneira que analisamos um produto e indicações na geração que estamos e acaba sendo mais relevante do que os comerciais que vemos diariamente. O boca-a-boca foi potencializado pela internet e acaba sendo mais efetivo do que acontecia há algum tempo. Se pessoas de sua confiança compartilham que o produto X é bom e efetivo, por que não comprá-lo também? As pessoas que estão no meu feed de notícias têm a tendência de ter o mesmo pensamento que o meu. Por isso, a chance de eu ser influenciado pelo compartilhamento positivo dela é grande.

Uma pesquisa feita pela ShareThis, chamada “The Return on a Share”, mostra que uma recomendação positiva é mais importante para os consumidores do que o preço e marca juntos. Para quem não conhece, a ShareThis é uma plataforma de compartilhamento de conteúdos nas redes sociais, muito utilizada por blogs e sites para disseminar seus conteúdos nas redes.

Na pesquisa, enquanto uma recomendação tem 57% de importância para o consumidor, o preço cai para segundo lugar com 28% e, por último, a marca, com 16%. Isso dentro de três categorias analisadas: setor automobilístico, tecnológico e bens.

Os compartilhamentos aumentam o valor e o desejo de produtos nas pessoas e isso é uma informação importante para fabricantes e varejistas para ajustar o valor dos produtos de acordo com as recomendações. Uma boa recomendação pode motivar o consumidor a pagar até 8,8% a mais pelo produto. Porém, se as boas indicações podem aumentar as vendas, um compartilhamento ruim sobre um produto pode influenciar em até 11% os consumidores a não adquirir o produto em nenhuma categoria.

Mas aí você pergunta:

No que esses números podem ajudar meu negócio?

O relatório feito pela ShareThis mostra exatamente como podemos engajar os clientes, criar experiências de compartilhamento e chama a atenção de que o monitoramento das mídias sociais é importante. Assim, as empresas têm o real conhecimento de onde investir para ter retorno e podem usar mídia para converter novos consumidores. Os dados influenciam até no conteúdo, onde podemos encontrar uma luz que direciona o que colocar em prática para atingir o público-alvo de forma mais eficaz.

Vale dar uma olhada na pesquisa completa e ver as possibilidades de aplicar no seu negócio ou empresa. Você pode fazer o download gratuitamente clicando aqui.

Fonte: BusinessWire

Talvez você possa gostar

Leave a Reply